Blog

Amanda Mol é uma jovem mineira de Varginha, que faz trabalhos lindos e cheios de personalidade. Em suas próprias palavras, ela é “designer de moda por formação e ilustradora de coração”. Entrar em contato com a delicadeza e a feminilidade de sua arte é paixão na certa. Já namoramos suas ilustrações faz tempo! Esse ano tive o prazer de conhecê-la pessoalmente, me tornar sua cliente e posso dizer: depois de chegar mais perto, não tem como não se apaixonar mesmo.

amanda-e-frida

Ela transforma suas inspirações em ilustrações, que por sua vez são concretizadas em objetos especiais, para que a gente tenha o privilégio de se cercar de lindezas. São móbiles, quadros, imãs ilustrados, blusas, colares, todos com esse toque delicado, suave e feminino.

mobile-amanda

Tivemos um bate-papo com ela, para que você a conheça um pouco mais de perto também. Confira!

1) Bonequices: Amanda, conta um pouco pra gente do seu caminho. Desde a infância você curte desenhar? Como foi percebendo esse dom? Como decidiu que iria apostar nele?

Amanda Mol: Desenho desde criança. Esta sempre foi a atividade que mais gostava de fazer! Durante a adolescência fiz aulas de pintura e artesanato e logo que me formei no colégio fui morar no Rio de Janeiro, onde estudei Design de Moda. Na faculdade, tive um contato muito próximo com a ilustração e as artes, me encantei e tive a certeza que aquele seria o caminho profissional que eu trilharia!

2) Bonequices: Qual é o tema da sua arte?

Amanda Mol: Ilustro mulheres – seu mundo colorido, sonhador e mistérios.
Costumo brincar que me inspiro nas mil mulheres que moram dentro de mim! Uma metáfora que não deixa de ser verdadeira. Me inspiram, também, mulheres encantadoras, seus cabelos, faces e personalidades.

Flores-em-meu-cabelo

3) Bonequices: Para você, qual é o papel da arte na vida das pessoas?

Amanda Mol: É o lado B da vida. O lado B que quando é descoberto se torna o lado A! É como uma máscara do “instagram” (risos): quando colocamos estas lentes de sensibilidade, alegria e humildade, pasamos a admirar as singularidades do trabalho das pessoas. Passamos a admirar com integridade e sinceridade as produções de todos os criativos! Passamos, por fim, a respeitar a arte e notar a sua importância. E assim, vemos um mundo muito mais bonito.

4) Bonequices: Como é o processo de inspiração e criação no seu cotidiano?

Amanda Mol: Em meio às minhas flores e luz do dia, sempre. Quando vou ilustrar procuro ficar na minha área externa, de preferência vendo o sol bater na folha da minha prancheta! Como nem sempre estou nestes momentos, muitas vezes estou envolvida com projetos exclusivos, procuramos ter sempre um clima descontraído o atelier. Uma boa música, bons aromas no ar e concentração!

 

boneca-da-amanda5) Bonequices: Aproveitando que estamos aqui no Bonequices, conte pra gente alguma lembrança que você tenha de suas bonecas na infância.
Amanda Mol: Uma boneca Quem Me Quer linda! Ela me acompanhou durante toda a infância e foi a minha única e tão amada boneca. Gostava da sua carinha, pois era doce e sempre feliz! Hoje gostaria de tê-la de volta para guardar como uma lembrança boa, mas aos 11 anos me sentindo uma legítima mocinha, a doei (risos). Que lembrança gostosa!

 

É claro que você quer conhecer mais do trabalho da Amanda Mol. Então, acesse:

www.amandamol.com.br |  www.facebook.com/mol.amanda

 

Agora, a parte boa mesmo é que em breve teremos novidades para compartilhar com você! ♡ Para liberar só um pedacinho da surpresa: Bonequices e Amanda Mol logo lançarão uma parceria linda!

Cenas dos próximos capítulos…

No comments so far!

Leave a Comment

Your email address will not be published.
Required fields are marked *